A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) realizou, nesta quinta-feira (19/10), uma operação em Campos dos Goytacazes (RJ) para combater irregularidades em postos de combustíveis. A ação contou com o apoio da Barreira Fiscal do Município e da Secretaria de Estado de Fazenda e Planejamento do Rio de Janeiro.

Foram fiscalizados três postos, dois dos quais sofreram interdições. Em um dos estabelecimentos, os fiscais encontraram em estoque quase dois milhões de litros de combustível sem documentação fiscal. Foram lacradas 11 bombas, 19 bicos, 7 tanques e houve interdição do posto.

O outro posto interditado havia tido sua autorização de funcionamento revogada pela ANP em 15 de setembro, por falta de licença ambiental e alvará de funcionamento, mas continuava operando.

2017-10-20.jpg

No terceiro estabelecimento, não foram encontradas irregularidades e os fiscais coletaram amostras de combustíveis para análise em laboratório credenciado.

Ações de fiscalização

A ANP tem intensificado suas ações de fiscalização, planejando-as cada vez mais a partir de vetores de inteligência, com destaque para denúncias recebidas pelo Centro de Relações com o Consumidor (CRC) e dos resultados obtidos pelo Programa de Monitoramento da Qualidade dos Combustíveis (PMQC), além de informações repassadas por outros órgãos públicos e pela área de inteligência a ANP.

Denúncias sobre irregularidades no mercado de combustíveis podem ser feitas pelo telefone 0800 970 0267 ou pela página http://www.anp.gov.br/wwwanp/fale-conosco.